Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português - O SEU PORTAL DE AUTOCARAVANISMO INDEPENDENTE SEMPRE CONSIGO.

IGREJA SANTUÁRIO DE SANTA LEOCÁDIA - BAIÃO - PORTO



Apontamento AuToCaRaVaNiStA:

O Santuário de Santa Leocádia fica situado na freguesia com o mesmo nome, agregada atualmente (2013) à freguesia de Mesquinhata pertencente ao Concelho de Baião, Distrito do Porto.
Este Santuário tem uma referencia muito peculiar na sua torre sineira de 2 arcos, com 2 sinos distintos, todos datados de 1732 salvo erro, a data da sua refundição. Existe também uma torre sineira acoplada à própria igreja, mas inexistente o seu sino. No interior do recinto existe um cruzeiro, à altura da visita encontrava-se encerrado.


              HISTÓRIA:
Santa Leocádia dá o nome ao concelho e foi sede do senhorio de Baião.
Em Santa Leocádia existem as seguintes capelas: a de São Jorge e São Brás, pública, situada a pequena distância da igreja paroquial; a da Casa de Balde, da invocação de Nossa Senhora das Dores, pequenina e muito antiga,(foram os Senhores desta Casa,os fundadores da Confraria de Nossa Senhora do Rosário);e a da Casa da Lage, da invocação da Nossa Senhora da Conceição.
A talha destas capelas, assim como a Matriz, deve ser aproximadamente da mesma época – renascença em transição para o barroco. A Casa do Vale,mais abaixo,da família dos acima citados fidalgos ,tem uma história envolta em lenda e fama,pois aí viveu Claudino Mesquita de Sousa Pinto,o "Curandeiro",ou "Homem de Virtude",conhecido pelas muitas curas,com recurso a ervas medicinais e medicina holistica.
Há ainda a capela da Casa da Roupeira, ampla, de linhas simples e harmoniosas, mas sem ornatos artísticos. Existe no lugar de Arrabalde, uma capela que não chegou a ter altar e outra em ruínas no lugar dos Valados, cuja tribuna em puro estilo renascença foi mudada pelos proprietários para o oratório da Casa das Quartas, onde uma bula de Sé Apostólica concede que se celebre o Santo Sacrifício.
Na Igreja Matriz,é notável também o túmulo do interior(medieval);a nobreza e a robustez da torre sineira; bem como as siglas célticas da parede norte exterior,mesmo em frente da entrada do cemitério.

Portal AuToCaRaVaNiStA:
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes