Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português - O SEU PORTAL DE AUTOCARAVANISMO INDEPENDENTE SEMPRE CONSIGO.

«9º ENCONTRO NACIONAL DE AUTOCARAVANAS - CASTELO DE PAIVA» ««9º MEETING OF MOTORHOMES OF CASTELO DE PAIVA - PORTUGAL»»



PRÓXIMO EVENTO: 

30 Junho a 2 de Julho 2017

9º Encontro Nacional de Autocaravanas de Castelo de Paiva.

INTEGRADO

Feira do Vinho Verde do Lavrador, Gastronomia, e Artesanato

APOIO: C.M. Castelo de Paiva

Coordenadas: N 41º02'23" W 08º16'26"
Parque da Feira - Sobrado - C. Paiva
Parque a 50 m do evento no centro da Vila

«GRANDES EVENTOS - GRANDES MOMENTOS»



Apontamento AuToCaRaVaNiStA:

CONNOSCO É TUDO GRÁTIS, SEM INSCRIÇÕES OU OUTRAS CONFUSÕES: Para participar nos nossos Eventos não precisa de ser sócio logo não paga quotas, não paga nem precisa de fazer inscrição. Nós trabalhamos por amor à camisola, e damos oportunidade aos autocaravanistas na generalidade quer sejam sócios de clubes, associações, grupos de amigos, o que quer que seja, estamos abertos literalmente a todos os autocaravanistas a custo zero sobre o nosso trabalho. É mesmo só aparecer e desfrutar daquilo que os Municípios em conjunto com Grupo AuToCaRaVaNiStA Português vos oferece gratuitamente. Sejam então bem-vindos ao Autocaravanismo livre e independente, sejam bem vindos ao Portal AuToCaRaVaNiStA Grupo AuToCaRaVaNiStA Português.


CONDICÕES DE PARTICIPAÇÃO:
Ao participarem neste Encontro os autocaravanistas são conscientes de que são eles individualmente responsáveis por si e pelos seus bens.

BOA ESTADIA

Portal AuToCaRaVaNiStA
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes

3º ENCONTRO NACIONAL DE AUTOCARAVANAS DE OL. DE AZEMÉIS




ESTACIONAMENTO DAS AUTOCARAVANAS EM PARQUE FECHADO, NO LOCAL HABITUAL.
LOTAÇÃO MÁXIMA CERCA DE 150 ACs
(Se fosse à pescador diriamos que o parque era para mais de 300 ACs)

PARQUE DE ESTACIONAMENTO Coordenadas GPS:
N 40º 49' 56" - W 08º 28' 57"

ÁREA DE SERVIÇO PARA AUTOCARAVANAS Coordenadas GPS:
N 40º 50' 38" - W 08º 28' 00"

Parque fechado exclusivo para Autocaravanas abre às 14h00 de sexta feira.
Este ano teremos uma exposição de Autocaravanas no recinto de aparcamento em recinto fechado e exclusivo, da Empresa Vidicar (nosso patrocinador oficial) com multimarcas, e com a novidade Fleurette - Florium. Visite não paga nada por isso.



PRESENÇA HABITUAL DA RTP 1 (Aqui Portugal)
A mais rica história gastronómica retratada nas ruas ao século IXX .
A mais fantástica festa integrada num Encontro Autocaravanista em Portugal

Coordenação de Domingos Oliveira
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português






EM 2016

NÃO É NECESSÁRIO INCRIÇÃO: Entrada no parque fechado por ordem de entrada.

Parque fechado para um limite máximo de 150 Autocaravanas.
Caso o parque fechado esgote, tem mais estacionamento nas traseiras junto às piscinas sendo que esse estacionamento não está reservado exclusivamente para autocaravanas e poderá estar condicionado.

NOTA FINAL: Ao participarem neste Encontro  os autocaravanistas são conscientes de que são eles individualmente  responsáveis por si e pelos seus bens.

GRANDES EVENTOS - GRANDES MOMENTOS

Portal AuToCaRaVaNiStA
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes

AVELEDA - LOUSADA


Apontamento AuToCaRaVaNiStA:
«AVELEDA - LOUSADA - PORTO - PORTUGAL»
Aveleda é uma pequena freguesia Portuguesa, do Concelho de Lousada, Distrito do Porto.
Pontos de interesse que merecem uma visita. Se quer conhecer minuciosamente a Rota do Românico, encontra aqui a Igreja de S. Salvador de Aveleda, a Capela de Nossa Senhora do Rosário, que não está referenciada apesar de ainda ser da época, e a Ponte de Vilela, também com traços do Românico. Mas para conhecer mais a fundo a História desta Freguesia de Aveleda, veja já a seguir tudo aquilo que interessa saber e conhecer. Portal AuToCaRaVaNiStA - Sempre Consigo.



HISTÓRIA:

IGREJA DE S. SALVADOR DE AVELEDA:

CPF Portugal veja no nosso site

As primeiras referências à Igreja do Salvador de Aveleda surgem em 1177, quando Vela Rodrigues doa ao Mosteiro do Salvador de Paço de Sousa os bens que possuía em Lousada, herdados de seu pai, Rodrigo Viegas, e dos seus avós, Egas Moniz e Teresa Afonso. O orago da Igreja consta em documento de 1218, bem como nas Inquirições de 1258.



O edifício atual, apesar destas referências, não é tão antigo, tendo sido alvo de reformas na Época Moderna, conservando apenas a nave e a fachada ocidental de características românicas.


A Igreja do Salvador de Aveleda é, deste modo, uma construção românica tardia, cujo interior foi objeto de uma campanha decorativa no decorrer do século XVIII.



CAPELA DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO:


A Capela de Nossa Senhora do Rosário e respetivo Cruzeiro, formam um conjunto de meados do século XVII. Atualmente festeja-se aqui o Santo Amaro a 9 de agosto, que era o patrono de uma outra Capela dedicada a este Santo, entretanto demolida por volta de 1932, sendo tranferido para esta Capela.


PONTE MEDIEVAL DE VILELA:


Considerando as características técnicas e construtivas, a Ponte de Vilela deverá datar dos séculos XVII-XVIII, sendo certo que já existia em 1758, pois é referenciada nas Memórias Paroquiais. A Ponte é utilizada para assegurar a travessia do rio Sousa entre os lugares de Vilela, de Vilar de Nuste e de Cartão.



Fonte: www.rotadoromanico.com

Portal AuToCaRaVaNiStA
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes

MEINEDO - LOUSADA


Apontamento AuToCaRaVaNiStA:
Meinedo é uma Freguesia Portuguesa, que fica localizado no Concelho de Lousada, Distrito do Porto.
Destaque para a Igreja de Santa Maria de Meinedo da Rota do Românico, uma pequena Igreja restaurada, construida no inicio do Sec. XIV. Destaque também para a Ponte Medieval de Espiundo, pensa-se que do Sec. XVIII, situada igualmente na Freguesia de Meinedo, Concelho de Lousada. Para estacionar a AC em Lousada melhor local no parque da cidade, junto às Piscinas Municipais.



Para provar a melhor gastronomia de Lousada, aconselhamos os Restaurantes "Pecados da Vila" Junto ao Pelourinho, ou o "Pitarisca a cerca de 5 kms do centro da cidade, mais propriamente na Senhora Aparecida. Se gosta de saborear um bom cabrito assado em forno de lenha, este é o local ideal, reconhecido a nível Nacional.

No centro Histórico tem mais opções e até mais econômicas.

Esta é uma das especialidades do Pecados da Vila - Louzada




HISTÓRIA:

A Igreja de Santa Maria de Meinedo, apesar de ser desconhecida a data da sua fundação, deverá ter sido erigida entre o final do século XIII e o início do século XIV, embora o templo perpetue esquemas decorativos e soluções construtivas que seguem os modelos românicos. 



Apesar desta datação tardia, o prestígio da Igreja é muito grande, uma vez que Meinedo foi sede de um Bispado no século VI. Meinedo é identificado com o topónimo “Magnetum”, no Paroquial Suévico, por A. de Almeida Fernandes, citado por Marcelo Mendes Pinto, aqui radicando uma Paroécia em 572, cuja sede se terá transferido, posteriormente, para Portucale, já que o seu bispo compareceu ao terceiro Concílio de Toledo, em 589, e nesta data já não aparecer nenhuma referência a “Magnetum”.


Desta época até ao século XIII, quando é sagrada a Igreja, como a conhecemos atualmente, pouco se sabe do desenvolvimento deste sítio, embora as escavações arqueológicas, realizadas em 1991, tenham revelado uma estrutura absidal circular pertencente a um primitivo templo pré-românico.
Igreja de Meinedo, pela estrada N320.

Coordenadas Geográficas: N 41° 14' 54.789" / W 8° 15' 26.908"



PONTE DE ESPIUNDO:

A Ponte de Espindo, na Freguesia de Meinedo, assegura a ligação sobre o rio Sousa entre os lugares de Bustelo e Boim, não deverá ser anterior a meados do século XVIII uma vez que, ao contrário da Ponte de Vilela, não é mencionada nas Memórias Paroquiais de 1758.


Fonte: www.rotadoromanico.com

Portal AuToCaRaVaNiStA
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes

CASTELO DE PORTO DE MÓS - LEIRIA






Apontamento AuToCaRaVaNiStA

CASTELO DE PORTO DE MÓS
Porto de Mós é uma vila portuguesa pertencente ao distrito de Leiria, região Centro.
Falar de Porto de Mós é falar de um dos mais belos Castelos de Portugal. Diferente dos outros na sua arquitetura, serra abaixo ou serra acima ele apresenta-se imponente e majestoso. Uma vila histórica que o Portal AuToCaRaVaNiStA recomenda. Tem Área de Serviço para Autocaravanas situada no parque verde. Veja aqui no nosso site as coordenadas na nossa base de dados de áreas de serviço para autocaravanas.


          HISTÓRIA:
O nome e a história de Porto de Mós (Portus de Molis), nasceu há mais de 2000 anos ao tempo em que o rio Lena era navegável e as jangadas romanas aqui embarcavam as pedras de mós, talhadas na Pedreira do Figueiredo e, mais tarde, o ferro das minas de Alqueidão da Serra. Mas os segredos do passado de Porto de Mós remontam ao tempo em que o mar cobria estas terras e se iniciaram os enrugamentos terrestres do Jurássico. As ossadas de dinossauros e a tartaruga petrificada são alguns dos tesouros que este concelho guarda há mais de 150 milhões de anos e que agora expõe no seu notável Museu Municipal, onde se descreve toda a pré-história desta região, nos machados e nas pontas de pedra lascada do Paleolítico, nas pedras polidas do Neolítico, nas cerâmicas e objectos de cobre do Calcolítico, ou nos pesos de tear, nas pedras de espremer o mel, nas moedas e nas lanças de ferro do Império Romano.

Subindo na História, pela bela calçada romana de Alqueidão da Serra e percorrendo as encostas de calcário, de moinhos e de aldeias de pedra das serras dos Candeeiros, de Santo António e de Aire, separadas por bucólicas depressões e majestosos anfiteatros naturais, descobre-se, desde o Alto dos Moinhos Velhos, o panorama frutícola do Vale do Lena e da vila de Porto de Mós abraçada ao morro dolomítico do castelo, conquistado por D. Afonso Henriques aos mouros em 1148 e que teve no lendário D. Fuas Roupinho o seu primeiro alcaide.

A planta quadrangular do castelo define quatro torreões aos quais D. Afonso - Conde de Ourém deu em 1450 as feições palacianas que o tornaram num dos mais belos castelos de Portugal.

Fonte: www.municipio-portodemos.pt

Portal AuToCaRaVaNiStA:
Grupo AuToCaRaVaNistA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes

PASSADIÇOS DAS RIBEIRAS DO RIO UÍMA - FIÃES - FEIRA


Apontamento AuToCaRaVaNiStA:
Os passadiços do Parque Natural das Ribeiras do Rio Uíma, situam-se maioritariamente na Freguesia de Fiães, Concelho de Santa Maria da Feira, "Distrito de Aveiro", a cerca de 20 kms do Porto Portugal.
O Rio Uíma tem a sua nascente no lugar de 2 Igrejas em Romariz - Santa Maria da Feira, e desagua em Crestuma - Lever, no Rio Douro, a jusante da barragem hidro-elétrica.
PARQUE SUL: Coordenadas GPS - N 40º59'10" - W 08º30'32"


O Rio às Avessas que percorre e atravessa o Centro de Fiães, desagua igualmente no Rio Uíma, onde se cruzam e misturam, aqui exatamente nas Ribeiras, que é um paraíso natural e ambiental no seu estado puro e selvagem, e que se pode ver, ouvir e sentir tudo o que a rodeia num ambiente puramente natural, isento de ruídos estranhos, onde apenas se ouve o murmurar do vento (quando há) o chilrear dos pássaros, o som das águas cristalinas, e os aromas da enorme biodiversidade que existe neste espaço idílico e natural. 


O MELHOR QUE FIÃES OFERECE:

É o melhor que a cidade de Fiães tem para oferecer aos visitantes no momento, já que está em curso novas obras de interligação, através do Miradouro do Monte das Pedreiras, que está a sofrer também algumas melhorias com a aquisição de uma antiga fábrica de calçado, que irá ser demolida para extensão daquele parque de lazer, situado próximo das Piscinas Municipais. 



Existe ainda um projeto no ar, lançado por um órgão de comunicação independente, "Tribuna Fianense" ao qual o Portal AuToCaRaVaNiStA se associou em parceria, no sentido de se criarem condições para integrar um Parque de Autocaravanas, na nova fase de investimento nestas infraestruturas de preservação da biodiversidade e do ambiente de natureza que Fiães possui em grande escala. 


Em conformidade com o diálogo mantido com a Direção da Tribuna Fianense (promotora desta ideia) foi feito um croqui de um eventual projeto para a zona central da Cidade, que incluiria um Parque de Lazer com, Parque de Estacionamento - Leito inicial do Rio com cascata - Parque de Merendas - Praia Fluvial - Zona Verde com churrasqueiras - Ponte com cascatas em escada - Velhos Moinhos transformado em Bar e Restaurante - Moinho de exibição didático, etc. 


Existe ainda neste contexto, "Projeto Cidade Verde", um conjunto de condições favoráveis para a extensão desta infraestrutura ao passadiço das Ribeiras do Rio Uíma, onde futuramente se poderia alargar o Parque da Cidade com as tais condições para um Parque de Autocaravanas - Um Mini-Parque de Campismo - Um campo de Mini Golfe, Bar de apoio, etc. Estes foram os pontos que o Portal AuToCaRaVaNiStA abordou com a administração da Tribuna Fianense, e da qual dá o seu total apoio.


Ponte Romana (foto antiga)
Ponte Romana (foto recente)
Esperemos é que estas ideias se desenvolvam para fora do papel, já que catapultavam Fiães para o lugar que merece "CENTRO DA FEIRA" outrora uma terra um pouco mais evoluída que as suas congéneres, agora, uma terra esquecida e atrasada em relação às suas congéneres.


Ideia/Projeto para extenção do Parque Natural das Ribeiras do Rio Uíma - Praia Fluvial do Chão do Rio - Fiães - Feira


Fiães tem excelentes recursos para evoluir para uma terra de prosperidade e visão "Turística Nacional e Internacional", é preciso é meter mãos à obra, e para isso Fiães conta com o poder politico, e principalmente com o seu Presidente Emídio Sousa em prol da sua terra. O site do sitio dos Passadiços. 


"PROJETO CIDADE DE FIÃES"

Este texto foi elaborado conjuntamente, e em parceria, com as administrações do Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português, e a Tribuna Fianense - Orgão de Comunicação Social Independente.

              HISTÓRIA:

O Parque das Ribeiras do Rio Uíma, integrado nas freguesias de Fiães (maior parte) e Lobão, combina vários sistemas de zonas húmidas, terrestres e ocupação humana, formando uma extensa várzea.



Aqui podem observar-se espaços muito ricos a nível da diversidade de habitats, albergando grande número de espécies vegetais e animais. Com a valorização das margens do Rio Uíma, nomeadamente com intervenções de preservação da biodiversidade e conservação do corredor ecológico, criaram-se condições para observar de perto os habitats naturais. É possível neste espaço realizar percursos pedonais, com interpretação de ecossistemas ribeirinhos com estatuto de proteção, e observar os ciclos de transformações anuais num equilíbrio harmonioso entre as condições naturais e sistemas humanizados. 
Fonte: www.rio-uima.pt

            APARTES:

ESTÓRIAS:


Entretanto vão surgindo alguns testemunhos do tratamento que se dá ao meio ambiente e à sua preservação, ou melhor à falta dela, quando outros interesses económicos se deparam! Infelizmente as coisas processam-se assim, uns interesses sobrepõem-se a outros mais importantes, o do vil metal.



TESTEMUNHO:


"Queria dar-vos o meu testemunho do passeio que dei, recentemente, até à nascente do rio Uíma em Duas Igrejas, para que tenham conhecimento das atrocidades que estão a ser cometidas, numa área tão rica em biodiversidade como esta.




A meio do caminho, já no limite da freguesia, deparei com uma enorme terraplanagem da A32 em construção, que cobriu um vasto trecho do leito do rio Uíma, agora entubado, e que se preparam para desviar através de uma passagem hidraulica, que ficará debaixo da nova via em construção. Não poderiam ter adoptado uma solução alternativa em viaduto, que mantivesse o leito do rio a céu aberto, e não afectasse a linha de água? Foi para poupar uns “cobres”, ou os senhores projectistas e do mi(ni)stério do ambiente não se deram ao trabalho de visitar o local? Apregoa-se à boca cheia a defesa do ambiente, mas na prática, e aos poucos, vão-se cometendo erros irreparáveis."José Bento"


"E ASSIM VAI O NOSSO PORTUGAL"

Portal AuToCaRaVaNiStA 

Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes