Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português - O SEU PORTAL DE AUTOCARAVANISMO INDEPENDENTE SEMPRE CONSIGO.

HOULGATE - NORMANDIA - FRANÇA

Apontamento AuToCaRaVaNiStA:

Houlgate é uma cidade Francesa da região administrativa da Baixa-Normandia, do Departamento de Calvados.
De passagem para Granville paramos nesta pequena cidade à beira mar plantada, e também ela palco dos desembarques dos aliados no derradeiro Dia D. Como os Nazis tinham toda a costa de mar da Normandia sob proteção de bunkers no chamado muro Atlântico, houve naturalmente muitos estragos nos edificios desta cidade costeira.


                 HISTÓRIA:

Durante séculos, a cidade foi então chamada de Beuzeval, permaneceu pouco povoada (301 habitantes em 1836). A população era predominantemente agrícola, e viviam num pequeno povoado de casas perto da antiga igreja datado do XII século (a localização atual do cemitério), e na margem esquerda do Drochon, perto da sua foz, e perto do porto dos mergulhos, um outro grupo de casas, o mais importante, o povoado de Mar, que incluiu algumas casas de pescadores.
O mar era considerado uma fonte de perigo já que a população estava instalada no seu interior. .

Entre 1845 e 1850, a popularidade do banho de mar de Beuzeval torna-se muito apreciado. Alguns turistas vêm de Caen e Paris, para estadias na aldeia de Mar. Devido a esta crescente de procura por parte de pessoas abastadas da sociedade Francesa incluindo a Realeza, o Grand Hotel foi construído em 1877.
Em 1860 foi construída a capela de Houlgate de Notre-Dame (agora Villa La Chapelle), que substitui a antiga igreja Beuzeval (XII ª ), que era muito pequena. Construções como "chalets" multiplicam-se, o primeiro casino, é construído  frente ao mar, e em frente ao Grande Hotel. Uma segunda estação balnear  nasceu, e o desenvolvimento da zona cresceu com uma rapidez surpreendente.


Em 1898, o Resort de Houlgate foi ultrapassado em importância por Beuzeval-les-Bains e, o inevitável acontece, Houlgate foi rebatizado e agora será chamado Beuzeval-Houlgate e, finalmente, em 1905, apenas o nome Houlgate será mantido.
Houlgate desacelerou na altura da guerra de 1870, e nos anos 80 o crescimento vai levar Houlgate à construção de um frenesim de hotéis de luxo  e de construção em geral,  bem como a criação de empresas e desenvolvimento de infra-estruturas comunitárias adequadas às novas necessidades.

Nos últimos anos, os encantos do local  atrai  bastantes visitantes que origina a criação de mais instalações de alojamento.
A frente de mar foi sendo preenchida em poucos anos com grandes mansões (quatro níveis em geral) construídas sobre um aterro de pedra, cuja localização foi sabiamente localizada de acordo com os movimentos do mar. Estas moradias tem estilos de contrução muito diferentes. Muitas das mansões são de luxo, e mostraram, depois de mais de um século de resistência ao tempo, que ainda permanecem belos mesmo com os danos sofridos durante a Segunda Guerra Mundial, já que a maioria deles ficaram ainda de pé, e foram restaurados posteriormente.

A chegada da rede ferroviária vai impulsionar o crescimento global, mas de forma desigual. A estação será localizada no território de Houlgate. A rota da linha ferroviária junto com uma estrada costeira, vai cortar parte da importancia de Beuzeval -les-Bains já prejudicada no seu desenvolvimento pela falta de espaço entre o Drochon, e Butte de Caumont,  seria preferida uma outra alternativa que teria aumentado a sua acessibilidade através de um túnel sob o monte de Caumont.




PORTAL AuToCaRaVaNiStA:
www.autocaravanista.pt.vu - www.grupoautocaravanista.webs.com
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes