Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português - O SEU PORTAL DE AUTOCARAVANISMO INDEPENDENTE SEMPRE CONSIGO.

ALDEIA MÁGICA DE DRAVE - ALDEIA DO XISTO - AROUCA


Apontamento AuToCaRaVaNiStA:
A aldeia de xisto de Drave, é uma aldeia portuguesa, pertencente ao concelho de Arouca, distrito de Aveiro.
É certamente uma aldeia perdida na serra, uma aldeia mágica e encantada, que surpreende quem a visita. Para lá chegar, terá que passar as antigas minas de Regoufe e respectiva aldeia, que já demos conhecimento aqui com a etiqueta Regoufe. Só após a travessia da ponte que separa a aldeia de Regoufe, e junta a Serra da Freita com a Gralheira, e S. Macário, é que se começa verdadeiramente "a escrever" o trilho e a história de Drave . É nesta encruzilhada de serras que está situada a aldeia mágica e encantada de Drave.


Percurso muitíssimo sinuoso de fragas incrustadas no caminho pedregoso com xisto solto à mistura, e que dificulta este percurso pedestre, único, para lá chegar. Acredito que de moto,8 seja 4x4 ou simplesmente 2 rodas, chegará lá muito mais partido que a pé, para não falar na máquina que o transporta, que certamente chegará em muito mau estado. Já que falamos de acessos e transportes actuais, para se chegar a Drave, será fácil de constatar pelos trilhos do caminho, que as pedras mais irregulares, e que são uma constante, estão polidas e rasgadas das rodas das carroças, que naquele tempo faziam o percurso de Drave para Regoufe e Arouca, e vice-versa.

A história imaginária que cada um de nós poderá realizar no nosso subconsciente, e à medida que vamos avançando no caminho, traduz-se numa realidade de vida muito rude e de muito trabalho, gloriosamente desempenhada pela população que lá vivia. Destaca-se a família Martins, principal obreira desta aldeia (ver descrição mais abaixo). É necessariamente imperioso, fazer-se referencia ao espaço paradisíaco natural que envolve esta aldeia, razão porque se diz mágica, e evidenciar o laborioso trabalho de carolice que os escuteiros têm feito atualmente, para que a aldeia não se descaracterize e caia no abandono e desmoronamento do casario, que diga-se na verdade, precisa de bastantes intervenções e financiamento para a sua recuperação.

Apoios ao nivel da Câmara e do Estado, são primordiais e essenciais, já que é urgente a sua intervenção, para não perdermos esta que é uma aldeia original e mítica, única em Portugal. Para finalizar, quem lá vai a primeira vez, não sabe para o que vai, em termos de dificuldade, essa é uma realidade inquestionável, mas quem vai, não se arrepende do sacrifício despendido. Não recomendado para pessoas com algumas dificuldades físicas. Aliás, pode comprovar ao chegar lá, e pela amostra de apenas subir o início de Regoufe, até avistar a beleza da planície da serra lá no cimo. Depois deste primeiro embate, decidir se quer fazer o restante que não é muito, só 6 kms de terreno sinuoso e irregular. Atenção que só estou a alertar, nunca a desmotivar. Força companheiros, força nas canetas que vale a pena a aventura.

            HISTÓRIA:
Aldeia de Drave:
Aldeia típica em que as casas são feitas de pedra, denominada pedra Lousinha, sendo a sua cobertura de xisto. Os arruamentos são irregulares e a aldeia situa-se no fundo da montanha. O lugar de Drave, fica situado a 1000 metros de altitude, praticamente isolado dos lugares vizinhos, com fracos acessos, impraticáveis durante o inverno. Drave foi berço da família Martins, que se conhece desde 1700, tendo o padre João Nepomuceno de Almeida Martins, tomado a iniciativa de realizar neste local em 1946, a primeira reunião familiar, que trouxe até aqui mais de 500 parentes, desde então esta reunião tem-se vindo a realizar de 2 em 2 anos, tendo já sido publicada a monografia da família. Actualmente esta aldeia tem sido ponto de encontro de escuteiros, que com muita frequência a visitam.
Fonte: Junta de Freguesia de Covêlo de Paivô

EM AROUCA:
Os autocaravanistas tem a vantagem de poderem fazer as suas visitas ao vasto e valioso território, e no final da tarde recolherem ao centro da Vila de Arouca, mais propriamente no parque da feira, onde existe a Área de Serviço para Autocaravanas, uma parceria do nosso Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português, e a Câmara Municipal de Arouca. Inaugurada em 2014:
"Veja aqui a inauguração"
Veja as coordenadas GPS em cima, ou na sua globalidade, na nossa Base de Dados aqui neste Portal na barra lateral. Não esqueça também de ler e imprimir para oferecer aos amigos, as nossas Regras de Ouro. O Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português, deseja-lhe uma boa estadia em Arouca, e ótimos passeios.

Portal AuToCaRaVaNiStA
Grupo AuTocaRaVaNistA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes