Portal AuToCaRaVaNiStA - Grupo AuToCaRaVaNiStA Português - O SEU PORTAL DE AUTOCARAVANISMO INDEPENDENTE SEMPRE CONSIGO.

TRANCOSO - GUARDA


Apontamento AuToCaRaVaNiStA:

Trancoso é uma Cidade Portuguesa, pertencente ao Distrito da Guarda, região Centro. Destaque para o Castelo, e a entrada muralhada para a zona histórica da cidade, onde se pode encontrar o Pelourinho, e toda a envolvência das muralhas e torres. Trancoso é também conhecido pelo seu fumeiro, referencia para a feira do fumeiro que habitualmente se realiza por alturas das festas das amendoeiras em flor, a sua doçaria regional variada, como as sardinhas doces, etc. Mais um registo atualizado em 2014 com o céu bastante nublado, em contraste com o sol nas fotos estáticas, já que são de 2008.



             HISTÓRIA:
CASTELO E MURALHAS:

O Castelo e as Muralhas que cercam o centro histórico (com 15 torres e cubelos, entre as quais se abriam 4 portas e 3 postigos), são os mais importantes e mais antigos monumentos do concelho de Trancoso. Fortaleza anterior à nacionalidade, reforçada por D. Dinis, com sete torres amuralhadas, quatro das quais vãs. A torre de Menagem possui uma janela árabe, com arco de volta de ferradura. Encontra-se em bom estado de conservação. Das suas muralhas avista-se um vastíssimo panorama.


Possui restos de uma torre, que foi capela da cidadela, sob a invocação de Stª Maria Madalena. Este Castelo e as Muralhas que circundam a Cidade estão classificados como Monumento Nacional, por decreto 7586, de 8 de Junho de 1921.
PORTAS D'EL REI Ficam situadas nas muralhas que rodeiam o centro histórico da cidade, a sul, encontram-se abertas entre duas torres ameadas e ostentam o escudo de Trancoso. Exteriormente formam um arco abatido e, interiormente, um arco em ogiva. O arco exterior, que também era em ogiva, foi alterado. As duas torres serviam de defesa das portas, que fechavam com grades de pau e porta em madeira. O largo frontal foi entretanto totalmente remodelado com base num projecto do Arq. Gonçalo Byrne.


PELOURINHO DE TRANCOSO:
É um monumento manuelino, contemporâneo do foral novo. O fusto é facetado, sobre quatro degraus, e remata com colunelos que formam a gaiola, em número de cinco. A cimeira é cónica e remata com uma esfera armilar. É um dos mais belos pelourinhos da Beira Alta. Considerado Monumento Nacional por Decreto de 16 de Junho de 1910.
IGREJA DE SÃO PEDRO Em estilo românico, foi do Padroado Real no século XVI. Na porta principal, entre esta e a janela da fachada, encontra-se o brasão, duas chaves cruzadas sobrepujadas por uma teara, simbolizando S. Pedro. Na parede Sul encontra-se um mausoléu mandado erigir em 1641, túmulo do profeta e poeta, Bandarra.
Fonte: www.cm-trancoso.pt


Portal AuToCaRaVaNiStA:
Grupo AuToCaRaVaNiStA Português
Copyright AuToCaRaVaNiStA - by jbmendes